TIPOS DE SERMÕES BÍBLICOS

DECLARAÇÃO PÚBLICA DE PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS



TIPOS DE ESTUDOS BÍBLICOS E SERMÕES DESENVOLVIDOS E PRATICADOS PELO GRUPO DOUTRINA FIEL

Muitos pregadores dividem os métodos de pregação em três grupos distintos, são eles, a pregação expositiva, a pregação textual e a pregação temática. Não vamos discorrer sobre o significado delas, como também não temos nada a reparar no modo como outros irmãos em Cristo elaboram suas pregações. Entretanto o nosso grupo de estudos bíblicos seguirá um método pedagógico distinto daquele supracitado, para aplicação e exposição das sagradas escrituras. O texto abaixo esclarece isto e norteia as regras de funcionamento do nosso grupo de estudos bíblicos. 

O grupo Doutrina Fiel valoriza todas as escolas de interpretação bíblica que surgiram ao longo da história da igreja cristã e reconhece que seus personagens (apesar dos erros e falhas) foram instrumentos nas mãos do Senhor Deus de Israel (que controla todas as coisas pela força do seu poder) para manter o cristianismo vivo, diante das oposições que se levantaram na linha do tempo da  história da igreja de Cristo. Cremos que temos a obrigação de nos debruçarmos sobre o legado da igreja (sem rótulos e sem placas) que rompeu a história e que permanece de pé diante de Deus, segundo a promessa de Cristo de que as portas do inferno jamais prevaleceriam contra o seu povo. A igreja fiel de Jesus sempre esteve viva no decorrer da história.

Este grupo de estudos bíblicos (nesta plataforma e nas redes sociais) tem se dedicado à produção e ao compartilhamento de estudos bíblicosmídias e comentários sobre diversos temas de interesse da igreja de Cristo. As contribuições dos nossos editores, colaboradores e leitores convidados poderão seguir três métodos distintos:

1 - Pregação Bíblica Expositiva (Estilo Reformado).
2 - Mensagem Bíblica Contextualizada (Transposição didática).
3 - Palavra Revelada (Exegese do Espirito Santo - Estilo Pentecostal).

Para a produção dos três tipos de sermões acima listados, cada pregador cristão (seja leigo ou bem instruído) utiliza-se (ainda que de forma inconsciente) de dois tipos de interpretação bíblica:

1 - Interpretação bíblica literal (método Histórico Gramatical).
2 - Interpretação bíblica alegórica.

Observação Importante: Abominamos o método histórico crítico que toma a Bíblia Sagrada como um livro comum, meramente humano. Este método tem sido usado pelos críticos modernos do cristianismo e por teólogos ateus. Jamais faremos uso deste modelo...

Os três tipos de pregação acima destacados, associados aos dois tipos de interpretação bíblica que enumeramos, podem edificar o povo de Deus, de acordo com cada momento vivenciado. A oração, o jejum e a busca pessoal do cristão ao Senhor fará com que o mesmo seja um instrumento usado com graça pelo Espirito Santo em quaisquer dos métodos supracitados. O segredo é a candeia cheia de azeite e acesa, muito estudo bíblico e submissão ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo...